Related Posts with Thumbnails
RSS

sábado, 12 de junho de 2010

As melhores declarações de amor (Cap. XIII).

Receber uma carta de amor, daquelas escritas no calor do sentimento, com as palavras sinceras e singelas que tocam sem precisar de enfeites, deve ser ótimo.
Nós, as que ainda esperam o príncipe encantado ou o sapo de nossas vidas (vai saber! Há gosto para tudo...), podemos ler as já escritas e esperar a nossa vez, não é?!


Uma Carta de Amor

Título original: Message in a Bottle
Ano: 1999
Direção: Luis Mandoki
Roteiro: Gerald Di Pago, baseado em livro de Nicholas Sparks.


Sinopse:

Ao caminhar pela praia, Theresa Osborne (Robin Wright) encontra uma garrafa com uma carta romântica e extremamente sincera, pois era também uma despedida, um adeus. Ela fica tão impressionada que usa os meios que dispõe trabalhando como jornalista em Chicago e tenta saber quem escreveu a carta. Ela então descobre que foi escrita por Garret Blake (Kevin Costner), um construtor de barcos da Carolina do Norte, para Catherine (Susan Brightbill), sua esposa, e, ao conhecê-lo, fica sabendo que Catherine faleceu precocemente. Em pouco tempo surge uma atração mútua entre Theresa e Garret, mas os fantasmas que ele carrega não permitem que ele viva este novo amor por completo.

Então, atendendo ao pedido da BFF Rafinha, aqui está a carta:

“Querida Catherine;

Sinto por ter demorado a escrever.
É como se eu estivesse perdido... sem rumo, sem bússola.
Vivo colidindo com as coisas, um pouco maluco, acho.
Nunca estive perdido antes, você era meu norte. Sempre soube o caminho de casa, quando você era minha casa.
Perdoe-me por ter ficado tão nervoso quando você partiu. Eu ainda acho que cometemos alguns erros... e espero que Deus os repare. Mas estou melhor, o trabalho me ajuda. Acima de tudo, você me ajuda.

Você me apareceu em sonho ontem, com aquele sorriso que me prendia como um amante, embalava como uma criança. Tudo que lembro do sonho é uma sensação de paz. Acordei com essa sensação e tentarei mantê-la enquanto for possível.
Estou escrevendo para dizer que estou viajando rumo a essa paz e para dizer que sinto por muitas coisas.
Sinto por não ter cuidado melhor de você para que nunca tivesse um minuto de frio, medo ou doença...

Sinto por não ter buscado com afinco as palavras para expressar o que eu sentia. Sinto por não ter consertado a porta de tela. Consertei agora.
Sinto por ter brigado com você. Por não ter pedido mais desculpas. Eu era muito orgulhoso.
Sinto por não feito mais elogios a tudo que vestia e ao modo como arrumava o cabelo.
Sinto por não tê-la abraçado com tanta força que nem Deus pudesse tirá-la de mim.

Com todo amor,
G.”



Linda, hein?! *Suspiros*
Feliz Dia dos Namorados! Até para nós, eternas apaixonadas pelos mocinhos dos livros...

3 corações despertados:

Isabela Souza disse...

Ai que liiiinda Camilla *---*
eu não vi esse filme, nem li o livro em que é baseado.
Anotadinho! Personal locadora (mãe) vai achar pra mim :D
bjos

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil! - disse...

VejaBlog
Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
http://www.vejablog.com.br

Parabéns pelo seu Blog!!!

Você está fazendo parte da maior e melhor
seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs Premiados -
Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

O seu link encontra-se no item: Blog

http://www.vejablog.com.br/blog

- Os links encontram-se rigorosamente
em ordem alfabética -

Pegue nosso selo em:
http://www.vejablog.com.br/selo


Um forte abraço,
Dário Dutra

http://www.vejablog.com.br
....................................................................

Rafaela disse...

Oi BFF!

Ai que lindooooo!!!!!!!!

Muito obrigada querida!

AMEI! *O*

Te adoro!

Bjs