Related Posts with Thumbnails
RSS

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Fazendo Meu Filme 2


Paula Pimenta - Fazendo Meu Filme 2
Fani na Terra da Rainha

Editora: Gutenberg.

Páginas: 325

Depois de conquistar milhares de leitores e leitoras, a nossa doce e querida Fani volta ainda mais divertida e encantadora. O segundo volume do livro Fazendo Meu Filme apresenta as aventuras de Estefânia Castelino Belluz na terra da rainha. Sim, na Inglaterra! Longe do grande amor, ela passa por momentos de alegria, dor, saudade, tristeza e, mais do que isso, pode conhecer melhor a si mesma. Sem deixar de lado suas amigas inseparáveis e sua família, ela consegue, no outro continente, viver momentos cheios de suspense, revelações, aventuras, descobertas e emoções fortíssimas! Feliz, triste, preocupada, ansiosa, temerosa, otimista, insegura, cheia de si, apaixonada, desiludida, seja como estiver, Fani mostra a cada página deste livro que não é mais aquela menina tão frágil que muitas vezes se escondia por trás de sua timidez.

Comentários:

O amor me chamou pra um outro lado e eu fui atrás dele. Eu pensei que, se eu não fosse, a minha vida inteira ia ser assim... Vida de tristeza, vida de quem quis de corpo e alma e mesmo assim não fez.... Daí eu fui. Eu fui e vou, toda vez que o amor me chamar.
(Lisbela e o Prisioneiro)

Novamente começo um post com um trecho de um filme, tanto por colecioná-los quanto por estar contaminada pelo jeito Pimenta de ser. Normalmente associaríamos pimenta com ardência, porém essa é tão doce quanto chupar manga madura no pé, lambuzando a cara e sorrindo dessa peraltagem.
Acho que ser adolescente é sentir ao extremo. Fase complicada de viver e saborosa ao lembrar. Mas nem pense que ao “adultecer” as coisas melhoram... simplesmente mudam de nome.

Fique por dentro da história:

Toda essa introdução dispensável foi para entrar no clima de Fazendo Meu Filme 2 – Fani na Terra da Rainha.

Temos de volta nossa querida Fani e companhia. Dessa vez, ela está bem longe das terras brasileiras, da saia de sua mãe, do colo do papai, dos papos animados das amigas, dos braços de seu ex melhor amigo e futuro namorado. Está na Inglaterra... incerta sobre a sua vida, com um medo danado de ser esquecida por aqueles que ama... mas com um novo mundo que merece ser desvendado, com novos amigos a conquistar, uma língua para dominar, aventuras para viver, filmes para conhecer, comprar e ganhar.
Durante o ano de intercâmbio, Fani precisa tomar decisões, escolher entre um amor antigo e um novo, resolver o caso misterioso das flores, músicas e filmes, descobrir que, algumas vezes, fazer o certo pode despertar mágoas. Tudo isso sem perder a chance de errar, crescer, sorrir, amadurecer, chorar, aprofundar sentimentos... para ser tudo que pode.

Esclarecendo alguns pontos:

* Se você, assim como eu, está (quase) cansada de histórias sobrenaturais, totalmente irreais, com mocinhas com poderes mágicos, apaixonadas por seres míticos, belas demais, milionárias, patricinhas... Você está precisando de doses de Fani em sua vida, urgentemente! Sim, porque ela certamente poderia ser inspirada em você e as amigas dela, nas suas. Pense em uma história construída com verossimilhança... totalmente envolta com camadas de sensibilidade e doçura, que conquista, cativa, vicia dos mais jovens aos não tão jovens assim;

* A autora mantem o padrão do livro anterior... Podem esperar por novos trechos de filmes abrindo cada capítulo, outras músicas – absolutamente apaixonantes e românticas - trocadas entre a Fani e o Leo, e as mesmas cinco estrelinhas que, certamente, acompanharão os demais livros dessa série;

* A Fani está na Inglaterra... E como será que está o pessoal que passei a considerar amigos? O Leo, a Gabi, Natália, Priscila, Alberto, entre outros personagens do primeiro livro? Não chega a bater saudade deles. Sempre há um e-mail ou conversa no MSN que faz com que fiquemos por dentro do que acontece no Brasil;

* Aparecem novos personagens que também são ótimos, como todos da família anfitriã, a Ana Elisa e a mãe e o TDB do Christian... Nossa! Essa menina é muito sortuda... Deixa um pouquinho para nós, dona Fani;

* O Christian pode ser lindo, ter o cabelo arrumadinho, mas sou fã do Leo e ponto. Vai ser romântico, altruísta e fofo assim lá em casa... rsrsrsrs;

* A Fani amadurece muito durante esse intercâmbio. Faz coisas que nem sonharia ser capaz, toma as decisões difíceis, porém certas... Pode deixar por perto a caixinha de lenços... Você vai precisar!

* Quem me conhece, sabe que eu adoro livro em série. Acho que é porque quando me apego, não quero largar! E essa história, então, fiquei apaixonada e totalmente viciada. A boa notícia é que o FMF 3 chegará em outubro. A má notícia é que o FMF 3 só sairá em outubro. O que eu faço até lá? =/

* Ops... ia esquecendo! Se você, assim como eu, a-d-o-r-o-u as músicas trocadas entre o Leo e a Fani, ficará feliz em saber que a Paula, gentilmente, disponibilizou todas (do FMF 1 e FMF 2) aqui! Baixe e escute sem moderação!

# Spoiler #
Destaques românticos:

1.
(...) Você entrou naquela sala de embarque, aquele drama de novela, todo mundo que estava se segurando pra não chorar na sua frente perdeu a pose e começou a chorar pra valer, isso inclui seu pai, sua mãe, seus irmãos, sua cunhada, a Juju (que eu acho que nem estava chorando por sua causa, mas sim porque ninguém estava dando atenção a ela, que queria de todo jeito um Milk-shake do Bob’s), suas tias, primas, avós, eu, a Natália e... o Leo. É, o Leo chorou, mas pode ir tirando esse sorriso do rosto aí porque foi só um pouquinho. Na hora em que eu olhei pra ele e vi, ele meio que passou a mão no nariz e fingiu que estava gripado, até um espirro fajuto ele fingiu, mas EU SEI que ele estava chorando e que deve ter chorado mais um tempão depois que nós deixamos ele em casa.”

2.(...) Quero te falar uma coisa, mas estou sem graça. Mas vou te falar assim mesmo, porque essa semana eu tive certeza disso.
Eu te amo. Acho que desde o primeiro dia que te vi.


3.(...) Não pensar no Leo não queria dizer que eu quisesse ficar com outra pessoa. Muito pelo contrário. Eu quero ficar só com ele pelo resto da minha vida. Mas eu quero que o resto da minha vida comece daqui a um ano. Se eu deixar que o Leo fique na minha cabeça, não vou achar graça em nada aqui, porque coisa nenhuma no mundo tem comparação com ele.”

4.(...) Da próxima vez que for destruir o coração de alguém, pense duas vezes. Você pode estar lá dentro.”

5.Eu preferia esperar. Eu sabia que tinha uma grande possibilidade de passar a vida sem que eu me sentisse preparada, pois isso dependia especialmente de uma coisa: encontrar a pessoa certa. Por causa de todos os filmes de amor a que eu já assisti na vida (onde sempre que o casal de protagonistas se encontra o cenário é lindo, a trilha sonora é romântica e o olhar dos dois mostra que eles nasceram um para o outro), eu esperava encontrar um menino que fizesse o meu coração ultrapassar o limite de velocidade, eu almejava que um olhar dele me fizesse derreter e que um beijo me levasse até a lua. Aí, sim, eu saberia que era ele. E então eu não teria o menor problema em ir na casa dele tomar um chocolate quente ou assistir à televisão mais à vontade em um quarto de hotel.
Apenas uma vez na vida alguém havia feito com que eu tivesse a ilusão de estar vivendo um roteiro de cinema
.”

6.(...) As ‘dores de amores’ irão te acompanhar para sempre. Não sofrer significa não amar. Quando entregamos nosso coração para alguém, estamos atestando que não somos mais os únicos responsáveis por ele, nossa felicidade passa a estar também nas mãos de outra pessoa. Algumas vezes, essa pessoa nos entrega o próprio coração em retorno, e aí nos sentimos preenchidos. Ao contrário, quando ela prefere manter seu coração para si (ou entregá-lo para outro), ficamos supervazios, pois apenas o nosso já não nos basta.
(...) Toda a graça da vida está nesse jogo de amor. Apostamos sempre, em busca da combinação que nos faça ganhar o maior prêmio: a felicidade de um amor recíproco.”

7.(...) É como se o filme mais intenso a que eu já assisti na vida chegasse ao final. Sei que não poderei comprar o DVD dele para a minha coleção, mas tenho certeza de que cada uma das cenas, de que todas as imagens e diálogos dele vão continuar existindo para sempre em meu coração.Estou indo embora. Não sei o que me espera. Mas aprendi que a felicidade é uma opção. Ela mora em todo lugar. Basta que a gente permita que ela nos faça companhia. Eu espero que ela tenha entrado comigo nesse avião... ou melhor, que esteja me esperando no aeroporto.”

~> Gostou? Você pode adquirir o seu aqui!

Postagem interligada: Fazendo Meu Filme 1

Mil beijos! Até o próximo livro com coração...

9 corações despertados:

Fernanda disse...

Camilla, tô correndo agora, depois volto com calma para ler a resenha...

Passei só pra avisar que tem um selinho pra vc no meu blog :)

Bjs!

Julianna Steffens disse...

Camila passei batida pelos spoileirs, FMF2 é minha próxima leitura! Super mega fofo né, agora é esperar novembro o 3 ^^

Luka disse...

Camilla,
Adorei.
Já anotei a dica.
Bjs de fada.
Luka.

Débora Lauton disse...

Adorei a resenha... doida pra ler o livro...
Vou disponibilizar minha listona (que um dia foi uma listinha) de livros desejados pra família toda... quem sabe não ganho de presente de niver...

beijos,
Dé...

Fernanda disse...

Amei a resenha! Não li as partes com spoiler, mas mesmo assim: Tô simplesmente doida pra ler esses livros! São os próximos que vou comprar :)

Bjs

Daniele Organista disse...

olá, tem selinho pra vc no meu blog.
bj

Cíntia Mara disse...

Adoro suas resenhas! Dá muita vontade de ler o livro.
Também sou fã de séries e, como minha fila está gigante, considero seriamente a possibilidade de só ler FMF 1 e 2 em outubro. Acho q posso mantê-los num lugar não muito visível, hehe.

Sempre me envolvo demais com a história e quando termina a série é uma tristeza, fico querendo mais, rsrs.

Bjs

Juliana Lira disse...

Ai ai ai! Pronto doida pra o fim do mês chegar pra poder comprar os dois kkkkk Tô ferrada...


Milhões de beijos

Srta. Camilla disse...

Que bom que gostaram, meninas! Esse livro inspira todos os bons sentimentos. Se encontrarem, não deixem de levar para casa!

Campanha: Quero um Leo para mim! ;)


* Daniele;

Obrigada pelo selinho, flor! Ameeeeeei! :)


Bjos para todas!