Related Posts with Thumbnails
RSS

sábado, 23 de maio de 2009

Quando um romance desperta...

Se se quiser falar ao coração dos homens, há que se contar uma história. Dessas onde não faltem animais, ou deuses, e muita fantasia. Porque é assim – suave e docemente – que se despertam consciências.
Jean de La Fontaine

Não sei vocês, mas eu NÃO consigo eleger UM romance como meu preferido... Com relação a livros sou como coração de mãe: sempre cabe mais um. E cada vez que leio e encontro aquele livro, no momento em que me dedico a beber suas letras e a viver sua história, ele passa a ser o livro.
Depois, reflito sobre o que foi lido.

Uns me inspiram tanto sentimento que preciso transpor imediatamente para o papel. Outros, requerem silêncio. Diálogo interno. E demoro mais para escrever as minhas impressões.
Amo cada livro que me desperta emoções.
Amo os que me fazem rir, e ainda os que me fazem chorar...
Amo os que me fazem fechar os olhos e sonhar (principalmente, em trocar de lugar com a mocinha...).
Amo os que provocam meus instintos assassinos e me fazem pensar em mil e uma formas de encerrar, seja a leitura ou a vida de certos personagens...

Para mim, a literatura é uma forma de entretenimento com função plural. Ela tanto pode enriquecer quanto promover um diálogo entre culturas, homens, tempos...
Entre outras funções, a denominada Purificadora (que provoca uma tensão que resulta em uma descarga emocional que alivia e/ou purifica a pressão das emoções) é a que, no meu caso, sobressai. Muitas vezes, escrevo as minhas impressões sobre o livro lido para descarregar as emoções que ele me despertou (vocês vão poder observar isso melhor quando publicar sobre Eclipse...).

Isso foi tanto uma confissão - uma forma de mostrar um pouco do que sinto – como também uma introdução para a minissérie que estou planejando e escrevendo... Chamada Quando um romance desperta..., ela será dividida em quatro capítulos (1. Gargalhadas; 2. Lágrimas; 3. Sonhos e 4. Instintos Assassinos).

É isso!
Quem puder e quiser acompanhar a minissérie, agradeço. Não esqueça de deixar um comentário com a sua opinião, crítica ou sugestão. Uma palavra, seja de incentivo, apoio ou posição contrária, é muito importante para sentir que fizemos a coisa certa ou para que tentemos minimizar nossos pontos negativos.

Até a próxima... com mais livros com coração!

4 corações despertados:

Livros de Bia disse...

Concordo plenamente com você e também não saberia escolher um livro preferido... claro, que tem alguns que eu gostei mais que outros, uns que eu não gostei, mas apenas 1 é impossível!

Bjs

karina disse...

Idem ,idem, são tantos livrinhos maravilhosos.

Aliás, Camila, somos da mesma cidade: Natal...que tal fazermos contato pra trocas....

bye

Srta. Camilla disse...

Podemos combinar, Karina. É pena q não tenho muitos livros para troca... mas podemos nos conhecer e fazermos o encontro das Leitoras de Romances de Natal. Já vi pelo orkut (na comu Adoro Romances)que há outras.
Ah... e não consigo entrar no seu perfil... Meu contato: camilla.let@hotmail.com

Fernanda disse...

Aaaai, amei seu post..! :) Concordo, e vou acompanhar a minissérie sim.. :)

Ah, tem outro selinho pra vc no blog..! Não sei se vc já recebeu, mas enfim..! :)

Bjoo