Related Posts with Thumbnails
RSS

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Marido Sob Encomenda...

Sabrina 1024, Amanda Browning - Marido Sob Encomenda.

Temática: Irmãs rivais.
Par romântico: Chase Calder e Natasha Larsen.

Ele foi feito sob encomenda para ela...

A irmã gêmea de Natasha Larsen é um problema com "P" maiúsculo! Mas, desta vez, ela foi longe demais ao abandonar o noivo, Chase Calder, justamente quando ele se recuperava de um acidente quase fatal. O que mais Natasha poderia fazer, senão ficar à cabeceira de Chase?
O problema é que, agora, todos acreditam que Natasha é a noiva de Chase... inclusive o próprio Chase! E ele quer levar adiante os planos de casamento!


Comentários:

Esse é um dos meus romances preferidos! Assim que entrei para o grupo (do yahoo) Adoro romances, recebi o e-book. Simplesmente ameeeeei a história. Por vários meses procurei o livro pelos sebos (da minha cidade e os da net) e nada! Até que, finalmente, achei no Estante Virtual. Nem pensei duas vezes... agora é meu e ninguém tasca!

~> Por que eu am?

1º) É uma das minhas temáticas favoritas: gêmeas (boa x ruim) que se interessam pelo mesmo homem. (Vai entender... Só Freud explica essa preferência!).

Nesse romance temos:

a) Natalya Larsen: gêmea fútil e interesseira que conquista um advogado lindo e podre de rico. Após um acidente, quando acha que ele ficará inválido, o abandona;

b) Natasha Larsen: gêmea meiga, batalhadora e simples que se apaixona à primeira vista pelo noivo abandonado que está na UTI. Assim, ela assume o lugar da irmã enquanto ele está convalecendo;

c) Chase Calder: advogado famoso e rico, engraçado, bonito e corajoso (enfim, o homem que eu peço a Papai Noel). Ele se apaixona e fica noivo de Natasha (Natalya usa o nome da irmã quando se conhecem), mas passa a notar que seus sentimentos estão mais profundos quando acorda no hospital e vê que ela permaneceu todos os momentos ao seu lado. E já não parece a mesma, não usa mais tanta maquiagem e seus cabelos estão curtos.

Vou parar por aqui senão "entrego o ouro" e, quando vocês forem ler, já não será surpresa...

2º) Porque esse livrinho desperta vários sentimentos:

  • Repulsa ~> Quando vemos a atitude fria e calculista de Natalya ao abandonar seu noivo ainda debilitado;

  • Solidariedade ~> Ficamos torcendo e acabamos entendendo a decisão que Tasha toma (embora sabendo que ela está errada);

  • Carinho ~> Pelos momentos românticos e felizes que eles compartilham durante um bom tempo do livro;

  • Choque ~> Ao ler as atitude de Chase ao conhecer a verdade;

  • Instinto assassino ~> Dá vontade de matar ou dar umas boas sacudidas nele pela forma que passa a tratar Tasha;

  • Perdão ~> Você consegue entender (embora não aceite) e perdoar as atitudes dele, afinal Chase tem um motivo forte para desconfiar do amor dela;

  • Tristeza ~> Porque durante esse período conturbado, eles perderam coisas importantes;

  • Esperança ~> Vocês bem sabem que, pelo menos nos romances, o final é feliz; mas eles souberam aprender com seus erros e perdoarem um ao outro.

Destaques românticos:


1. - Natasha?
A voz fraca despertou Tasha. Desorientada, ela olhou em volta. Não sabia que horas eram, mas estava no hospital e Chase havia retomado a consciência.
Tasha se levantou da cadeira, dando-se conta de que Natalya estivera usando o seu nome, de novo.
Inclinou-se sobre a cama, determinada a reconfortá-lo, e se descobriu a fitar um par de olhos da tonalidade cinza-prateada mais espetacular que já vira. Foi como se mergulhasse neles, perdendo o fôlego e sentindo o coração disparar dentro do peito.
- Natasha?
Perturbada pelo que acabara de ocorrer, tentou recuperar a compostura. A dor que viu nos olhos dele ajudou-a a cumprir essa tarefa.
- Estou aqui - respondeu, apertando a mão dele.
Chase respirou fundo e fez uma careta de dor.
- Você está... bem?
Não, ela não estava bem. Nem sabia se jamais voltaria a estar, mas não era disso que ele estava falando.
(...)
Ah, fora a sensação mais incrível que já experimentara na vida! Quando fixara os olhos nos de Chase, sentira-se totalmente preenchida por ele. Cada um de seus sentidos haviam reconhecido aquele homem, de uma maneira estranha, que ela não saberia explicar. Embora não soubesse a resposta, estava certa de que havia uma explicação perfeitamente razoável para o fato de ela ter, depois de um único olhar, se sentido como se conhecesse aquele homem desde... desde sempre. Respirou fundo e decidiu que Chase Calder não era, não poderia ser, a metade que lhe faltava.

2.
Chase estendeu a mão. Sentindo-se mais uma vez como uma mariposa, Tasha se aproximou e segurou-a. No momento em que seus dedos se tocaram, a corrente de eletricidade se estabeleceu.
- Incrível, não? - Chase inquiriu com voz suave, enroscando os dedos nos dela. - Fico pensando no que teria perdido, se tivesse morrido.
As últimas palavras fizeram Tasha estremecer.
- Natasha? Algo errado? - ele perguntou, preocupado.
- Você poderia ter morrido - ela falou com um fio de voz.
Só então Tasha se deu conta de quanto Chase significava para ela e de como estivera próxima de perdê-lo, sem sequer tê-lo encontrado. Tivera uma visão do mundo sem ele e sabia que a vida era vazia e sem sentido. A profundidade de seus sentimentos atingiu-a como um golpe.


3.
- Você não me ama, Tasha. Nem sequer conhece o significado dessa palavra.
- Não é verdade! Eu te amo!
- Não. Você me deseja. Não posso negar a paixão que sente por mim, mas isso não é amor. Quem ama não faz o que você fez. Você tirou de mim a liberdade de escolha.
O desespero ameaçou cegá-la, à medida que Tasha via o que fizera, pela primeira vez, do ponto de vista de Chase. Só então se deu conta da gravidade do erro que cometera. Só lhe restava tentar fazê-lo ouvir e compreender suas razões.
- Conheço muito bem o significado da palavra "amor". Amar é me sentir só metade viva, quando você não está comigo. É a alegria que sinto ao ouvir o som da sua voz, ao ver o calor do seu sorriso. É sofrer quando você sofre. Amar é saber que não quero estar em lugar nenhum, que não seja ao seu lado - declarou com voz embargada pela emoção.

4.
- Um tostão por seus pensamentos! - Tasha falou, sem pensar.
- Estaria pagando caro demais! - ele replicou com um sorriso, voltando a fitá-la.
- Mera questão de opinião.
- Quanto estaria disposta a pagar? - Chase perguntou, curioso.
- Uma fortuna.
- Mesmo que eu garanta que são apenas maus pensamentos?
Apesar do choque, Tasha riu.
- Bem, se seus pensamentos são maus, só podem ser sobre mim - falou.
- É o que pensa?
- Estou enganada?
- Só em parte. Você é parte dos meus pensamentos.
- A parte boa ou a ruim?
- Na verdade, eu estava pensando em como o seu rosto se ilumina, quando você ri. Seus olhos brilham como safiras.
A declaração fez o coração de Tasha saltar dentro no peito.
- Se vai continuar me dizendo coisas assim, serei forçada a confessar que acho o seu sorriso irresistível.
- É bom ouvir isso - Chase murmurou com voz rouca, dando alguns passos na direção dela.
- Sabe de uma coisa? - Tasha falou com seriedade. - Às vezes, tenho a impressão de que o destino está fazendo uma brincadeira muito cruel conosco.
- Também tenho tido dificuldade para encontrar algum humor nessa situação, mas ignorar você é como tentar fazer chover para cima. Absolutamente impossível!



E aí... gostaram? Baixe aqui!

Boa leitura e até a próxima!

5 corações despertados:

Ana Maria disse...

Ahhhh Ia ser bom poder encomendar os homens de acordo com as nossas exigências!!!!

Achei o seu blog de novo, obaaaa!!!

Carla Martins disse...

Hihihihihi

Que preferência, hein? Gêmeas q se interessam pelo mesmo homem....hauahuaua

vc tem irmã gêmea ou gêmeos na família? A razão pode ser esta....

beijinhos

La Sorcière disse...

Camilla, ela é tão boazinha com ele e ele judia dela????
Ahhh não acredito!!!!!

Fernanda disse...

Chase Calder: advogado famoso e rico, engraçado, bonito e corajoso (enfim, o homem que eu peço a Papai Noel)

Hahahaha... mto bom..!

~> Esse livro parece ser um mimo... quero ler! :)

Bjs

Rafaela disse...

...mas ignorar você é como tentar fazer chover para cima. Absolutamente impossível!

Adoooorooooo!!!!!!

Eu queroooooo um homem desses pra mim!!! :D

Ótima dica Milla!

Eu tbm AMO essa temática de gêmeas, me lembro sempre da novela "A Usurpadora", adorava

Já leu "A Gêmea Errada" ?
É o meu livro preferido com gêmeas (se bem que li poucos), li ele no PC, é lindo d+! Se quiser entra em contato comigo que te mando. ^^

Bjs